quarta-feira, 16 de março de 2011

Os teus olhos são o luar




Porque vens com esse teu ar lânguido
De insinuante beleza,
Se te escondes por trás da lua
E os teus olhos são o luar,
Que tudo ilumina?
Sai detrás dessa nuvem branca,
Porque a sua transparência
Acentua a tua beleza franca,
Transcende a tua paixão em ardência.
Acredita que tu deslumbras,
Mesmo oculta por nuvens,
Pois o sol está em ti,
No brilho do teu sorriso,
Ainda que seja luar.
As estrelas cintilam quando passas
Porque o teu caminhar é suave,
Como as pétalas que se desprendem
Das rosas e voam.
Irradias luz, no luar dos teus olhos
E no sol do teu sorriso.
És, afinal, mulher,
Na tua força natural
O esplendor feminino.

José Carlos Moutinho

Sem comentários:

Enviar um comentário