Diversas

domingo, 18 de setembro de 2011

Somos o Universo




Zarpo deste porto da bonança,
Levo-me no murmúrio das águas serenas,
Transparentes deste mar, que cintila
No reflexo dos raios solares;
Navego…
Deixo-me adornar ao sabor do vento,
Acariciando as margens da alegria;
Deslizo a minha paz,
Na proa desta nave da felicidade;
Sorrio-me na bolina,
De velas brancas hasteadas,
Agitadas pela brisa do prazer,
Numa sensação de liberdade;
O sol aquece-me a alma,
Leva-me à exaltação do fascínio,
Pela vida que me canta,
A paixão do sentir
A beleza que me rodeia;
A maresia alimenta-me a alma,
Tempera-me as forças;
Ao sabor das ondas e do vento
Eu, o barco, mar e o sol
Somos o universo!

José Carlos Moutinho

Sem comentários:

Enviar um comentário