Diversas

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Sonho




A luz tremula no silêncio da noite adormecida,
o sonho aconchega-se no sorriso do sono!

Esvoaçam quimeras em nuvens azuis,
navegam utopias em rios de fantasia,
nascem carícias nas imagens inventadas,
gargalhadas ecoam pelas estradas das emoções!

Sopram brisas pelas alamedas de doces sentires,
respiram-se aromas de flores coloridas,
afagam-se os reflexos do luar
e dedilham-se as teclas das estrelas cintilantes!

Fazem-se melodias em sinfonias de alvoradas
no despertar que entristece o sonho,
o sol que ofusca o encanto
do sono encantado do passado,
no amanhecer do futuro
e com a realidade que se faz presente.

José Carlos Moutinho

1 comentário: