Diversas

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Gostaria...





Hoje quando acordei,
senti-me deslizar pelos sonhos do meu desejo
gostaria de ter recebido de ti,
um poema de amor, feito com carinho...
Que falasse do encanto das flores que nos rodeiam,
do teu perfume de frescas gardénias,
que me contasse como é belo o arco-íris
nas tardes molhadas,
pelas delicadas chuvas de paixão,
onde cintilassem pequenas gotas de chuva
como pérolas de cristal!
Gostaria que esse teu poema
me contasse o navegar do nosso querer
em vagas de felicidade e prazer!

Serão sonhos, certamente
mas sinto-os como se fossem reais,
gostaria que me dissesses,
que nos deixaríamos levar no dorso azul
deste mar de segredos e silêncios,
que nos enrolasse na espuma
de um sentir incontido,
pelas areias da praia!

Ah...como eu gostaria que esse teu poema
do sonho, que me afaga o espírito,
murmurasse o nosso despertar,
abraçados, sob o sol do deleite,
pelo crepitante fogo
dos nossos corpos em êxtase!

José Carlos Moutinho

1 comentário:


  1. POÊMA LINDO! QUANTA EMOÇÃO Á NESSAS PALAVRAS,
    SE ME DESSEM A ESCOLHER QUAL DOS POÊMAS TEUS EU GOSTARIA MAIS...Não saberia escolher... eu diria TODOS !!!
    Célia

    ResponderEliminar