quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Mudança de emoções




Emudeceram as palavras murmuradas,
Em pétalas de melodias;
Apagaram-se os sorrisos,
De malmequeres iluminados;
Os abraços foram trocados pelo vazio,
Das ausências perdidas na distância,
Do tempo que se vai escoando;
Os beijos que sufocavam a razão,
São hoje imagens presentes,
Obscurecidas por nuvens de mágoas;
O vulcão do seu corpo, lava incandescente,
Congelou na lembrança do desejo esmorecido;
Os gemidos na sensualidade das noites de prazer
Tornaram-se gritos sufocados,
No peito dorido da saudade;
A luz cintilante daqueles dias de outrora,
São hoje sombras que vagueiam sem rumo;
O encantamento dos luares,
Que abraçavam as noites de encantamento,
Desfaleceram nas pálidas brumas
De um mar de navegantes desilusões.

José Carlos Moutinho

1 comentário:

  1. Gostei da poesia. As imagens nos levam para uma realidade não muito distante. Identifiquei-me. Parabéns pelo blog e livros.

    Helen De Rose.

    ResponderEliminar