Diversas

domingo, 21 de outubro de 2012

Nas asas dos sonhos





Quisera eu poder voar nas asas dos sonhos,
sobrevoar montanhas e colher pétalas de ilusões,
caminhar por campos de emoções,
coloridos pelas quimeras,
acolher o sol que me penetrasse na alma
e voar sem fim, por entre nuvens brancas de paz!
Pousar o meu olhar nas estrelas, agora apagadas
pelo descanso que lhes é dado pelo dia,
esperar pela noite que viesse a mim, suave
e com a sua luz, iluminasse o meu coração!
Fazer o mundo parar em nostalgia,
tornar reais todas as alegrias
que a minha memória retém em saudade!
Quisera eu não despertar deste sonho,
que invade o meu sentir extasiado,
esquecer que a realidade é diversa,
das utopias que a minha mente inventa!
E...para frustração do meu querer,
acordo desta viagem encantada,
onde me perdi em anseio terminado.

José Carlos Moutinho

Sem comentários:

Enviar um comentário