terça-feira, 10 de novembro de 2015

Já não sei escrever





Já não sei escrever poemas,
um vendaval levou-me o inventar metáforas,
voaram com as folhas secas do outono matizado...
Agora,as minhas palavras caem fundo,
bem fundo como corpo inerte em charco escuro,
o vento sibila-me vozes taciturnas
e sufoca o silêncio da minha alma
nesta solidão, que me tolhe os pensamentos...
Já não sei escrever palavras de encanto,
nem tampouco sei as cores das flores
e menos ainda, se o sol me ilumina ou escurece…
Só sei que o luar me esmorece
e torna-me bruma de uma vontade cansada
por que as palavras descoloriram-se
na chuva de uma cruel melancolia,
ausentando-se de mim,
do meu sentir, do meu pensar poesia,
murcharam as flores nos muros do desânimo.

José Carlos Moutinho

Sem comentários:

Enviar um comentário