Diversas

quarta-feira, 2 de julho de 2014

Ondas da imaginação





Deixo-me levar pelo fascinio do sol
refletido no dorso do mar,
extasiado pela brisa perfumada de maresia,
e navego-me em canoa de pensamentos,
à bolina das minhas emoções,
sobre as ondas da minha imaginação!

Levo em mim a inquietude
e a coragem
de galopar a distância
que me ausenta dela!

Visto a minha saudade,
de ventania que agita as velas
da minha ansiedade,
e voo no meu desejo
de a beijar.

No remanso do seu abraço
farei meu porto de abrigo.

José Carlos Moutinho

Sem comentários:

Enviar um comentário