segunda-feira, 20 de abril de 2015

Sonho ou realidade





Desperto do meu silêncio,
tocado por folhas moribundas
que caem sobre o meu rosto,
sulcado por alegrias esmorecidas!

Não dormia...
fechara-me em mim
alheando-me dos ventos
que lá fora, sopravam
e das vozes tresmalhadas
que em desvario ecoavam pelos ares!

Olho em meu redor,
O sol queima-me o corpo,
suspiro com o pensamento perdido
por desertos áridos
de oásis apagados..

E vejo mares, céus, aves, nuvens
árvores, brumas...
Vejo gente que corre sem rumo,
gente despida de roupa e moral,
mulheres lindas vestidas de vaidade,
homens engravatados de preconceitos!

Sinto o meu respirar ofegante,
sufocado por mentiras e arrogâncias
que se soltam do nevoeiro,
que envolve este mundo aonde vivo!

Desperto desta letargia
que me adormeceu
por instantes de desassossego…

E apetece-me voltar a desacordar-me
porque tudo que senti,
não foi delírio da minha imaginação.

José Carlos Moutinho

Sem comentários:

Enviar um comentário